Reforma atinge elite do serviço público

A mudança no cálculo do valor das aposentadorias com a reforma da Previdência atinge todos os trabalhadores, mas, para a elite do serviço público, o impacto será maior: valerá a média das contribuições ao longo da carreira, em vez dos maiores salários de contribuição.

O governo decidiu endurecer as regras para esse grupo porque ele já tem muito mais benefícios que os demais trabalhadores. Em 2018, o déficit do regime próprio dos servidores da União foi de R$ 51 bilhões para pagar 680,2 mil aposentados e pensionistas. (O Globo)

Funcionário confirma repasse a Queiroz

Funcionário do gabinete de Flávio Bolsonaro (PSL) na Alerj disse ao MP que depositava mensalmente na conta de Fabrício Queiroz cerca de R$ 4 mil dos R$ 6 mil de salário que recebia. Policial militar, Agostinho Silva afirmou que as transferências eram investimento na compra e venda de veículos e que recebia, no mês seguinte, de R$ 4.500 a R$ 4.700. A defesa de Queiroz não comentou o depoimento. (Estado)

Haddad é o nome do PT

O ex-presidente Lula da Silva, preso na sede da PF em Curitiba, traçou a rota e determinou que Fernando Haddad comande a Caravana Lula Livre pelas principais cidades do País a partir de semana que vem. Haddad estará no Rio e em São Paulo, antes e durante o carnaval, e, depois, irá ao Norte e ao Nordeste do Brasil. Tudo indica que Haddad será mesmo o nome do PT para disputar o Planalto em 2022. Lula o incumbiu de escalar o fotógrafo Ricardo Stuckert, que foi o fotógrafo oficial do presidente nos dois mandatos, para fazer os registros e filmes.

Ministro fica, por enquanto

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta quinta que o presidente Jair Bolsonaro avaliará a situação do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, caso apareça seu envolvimento direto no esquema de candidaturas laranjas do PSL. Em entrevista à Rádio Gaúcha, ele ponderou, no entanto, que, neste momento, a intenção não é demiti-lo. Onyx disse que Bolsonaro acompanha com atenção a apuração sobre o caso e defendeu que, antes de se tomar uma decisão, é preciso “dar o tempo para que os esclarecimentos venham a público”.

Mais um pedido negado

O ministro do Supremo Tribunal Federal e relator da Lava Jato na Corte, Edson Fachin, negou nesta quinta mais um pedido de liberdade ao ex-presidente Lula. O argumento da defesa de Lula, que está preso desde abril do ano passado, era de nulidade do processo. Segundo os advogados do ex-presidente, o ministro do Superior Tribunal de Justiça Felix Fischer não poderia ter negado em decisão individual o recurso de Lula pela reversão da condenação do caso triplex. Outro recurso ainda aguarda decisão no STJ.

Governo já conta com 250 votos

O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, concedeu entrevista exclusiva aos jornalistas Cláudio Humberto e Pedro Campos, da Rádio Bandeirantes, na manhã desta quarta e garantiu que o governo parte de 250 votos na Câmara para aprovação da reforma da Previdência. De acordo com Mourão, a ideia é que, conforme os detalhes do texto sejam esmiuçados, o governo consigará os 308 votos necessários. “A gente estima que precisa garimpar uns 60 ou 70 votos para estar com segurança”, disse.

Altos salários

Esses são resultados de regimes especiais que o novo secretário da Fazenda de Minas Gerais, Gustavo Barbosa, vem enfrentando – e sem muita chance de mudar: um coronel aposentado da Polícia Militar ganha quase o mesmo que um desembargador, que por sua vez, ganha o mesmo que um ministro do Supremo.

“Se não der certo, a gente sai”

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, disse ao final de uma audiência na Comissão de Direitos Humanos do Senado, que no momento os conservadores ocupam o poder e que é preciso deixá-los mostrar ao País o que querem fazer. Segundo ela, se não der certo, eles sairão em quatro anos, informou o Broadcast Político. “Democracia é alternância de poderes. Estão no poder agora os conservadores. Então, deixa a gente mostrar para o Brasil o que os conservadores querem fazer. Se não der certo, a gente sai daqui a quatro anos. Mas isso é democracia”, disse a ministra.

Passivo de R$ 455 bilhões

As empresas em recuperação judicial do País devem, só de impostos, R$ 455 bilhões. O passivo dessas companhias com o Fisco, nas esferas municipais, estaduais e federal, cresceu 20% entre dezembro de 2017 e setembro do ano passado, atingindo um valor equivalente a dois anos de orçamento do Estado de São Paulo. Com esse dinheiro, a União conseguira eliminar o rombo fiscal de R$ 161 bilhões e ainda teria recursos para investir.

Ligações criminosas

O procurador Deltan Dallagnol defendeu em suas redes sociais, nesta quinta-feira, a prisão do ex-diretor da Dersa, Paulo Vieira de Souza . Deltan afirmou que “há mais razões” para a detenção do engenheiro e usou referências feitas em documentos de autoridades Suíças que ligam Paulo Preto a supostos pagamentos para uma facção criminosa que controla os presídios paulistas

Gerente da Vale preso é de Poços

No último dia 15, no condomínio onde reside, na cidade de Itabira, atendendo a um mandato de prisão solicitado pelo Ministério Público de Minas Gerais, através do Grupo de Ação Especial  de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), foi preso o engenheiro poços-caldense, Joaquim Pedro de Toledo – gerente-executivo da Geotecnia Operacional da Vale.

Ele gerenciava a equipe responsável pelo rompimento e manutenção da barragem 1. Qualquer anomalia na estrutura era a ele comunicada por subordinados e tinha a incumbência de adotar providências para que o problema fosse sanado. Outros sete funcionários da empresa que foram presos em Belo Horizonte.

Segundo nota do Ministério Público, os oito detidos são responsáveis direto pela estabilidade da Barragem Um, de Brumadinho, que rompeu no dia 25 de janeiro, resultando na morte de 171 pessoas e outras 100 desaparecidas.

Entre os presos estão quatro gerentes e quatro integrantes das respectivas equipes técnicas. De acordo o MPMG, os oito funcionários estão diretamente envolvidos na segurança e estabilidade da barragem que se rompeu em Brumadinho. Os presos foram levados para o Departamento de Meio Ambiente. Eles serão ouvidos pelo Ministério Público e encaminhados ao Sistema Prisional. As prisões temporárias foram decretadas por 30 dias.

Após o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) negar o pedido de habeas corpus dos oito funcionários da Vale presos desde a última quinta-feira, a defesa dos acusados entrará com um recurso no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Oportunidade perdida

O governo municipal está deixando passar uma excelente oportunidade para consertar um erro cometido no passado com a construção no Parque Municipal Antonio Molinari de uma pista de bicicross, logo na entrada principal da área de lazer com frente para a Avenida João Pinheiro.

No mesmo local, na década de 80 ocorreu uma tentativa de se construir o ginásio poliesportivo Arthur de Mendonça Chaves, que diante de protestos dos defensores da área verde (antes reservada para a prática de golf), foi transferido para um terreno ao lado do estádio.

A pista de bicicross acabou se transformando em um enorme obstáculo que tira completamente a visão do parque e a sua remoção seria importante para corrigir um erro tendo em vista que a sua altura descaracteriza a área de preservação ambiental.

A remoção da pista de bicicross, que por sinal, é pouco utilizada, para outro local, como o parque ecológico da zona sul agradaria não só os frequentadores como iria corrigir um lamentável erro do passado.

Nova etapa do Centro Vivo será na Francisco Salles

A quinta etapa do projeto Centro Vivo será executada na Avenida Francisco Salles, no trecho compreendido entre a Rua Rio Grande do Sul e a Praça Getúlio Vargas. A informação é do Departamento Municipal de Eletricidade que abriu licitação para contratação da empresa que será encarregada de promover a retirada da rede elétrica área que vai ser substituída por rede subterrânea, assim como foi feito em outras vias do centro, conforme previsto no projeto de revitalização da área central, iniciada no governo do prefeito Luiz Antonio Batista.

A licitação para a contratação do serviço está marcada para o dia 23 de março e a previsão para que ocorra o início da obra é ainda neste primeiro semestre com previsão de entrega no final do ano ou no mais tardar no início do ano que vem.

Canteiro de obras

As avenidas Francisco Salles, João Pinheiro e Mansur Frayha tem tudo para se transformar em um canteiro de obras dentro de alguns meses e provocar um furdunço enorme no trânsito que já é bastante complicado nos horários de maior movimento.

Com a execução da quinta etapa do projeto Centro Vivo na Francisco Salles (retirada da fiação aérea que passará a ser subterrânea) e ao mesmo tempo o início das obras de revitalização das outras duas avenidas, junto com as obras de contenção das laterais do rio e a construção de novos emissários de esgoto (um em cada margem), dá para imaginar a confusão que vem pela frente.

Como não existe meio de se fazer omeletes sem quebrar os ovos, o jeito é torcer para que as intervenções causem o mínimo de problemas, se é que isso é possível.

Trabalho e humildade…

A respeito de nota publicada no blog de ontem, Marcilio Magalhães, ex-secretário de administração na gestão do prefeito Paulo Tadeu e que está próximo de assumir alto cargo no Ministério da Agricultura, disse que esse negócio de subir na vida é bobagem, que continua trabalhando muito sempre com humildade. O comentário foi gravado e levado ao ar no programa “Boca Boa”, da Master Web Rádio, apresentado por Silas Lafaiete.

BH segue exemplo da Câmara de Poços

Seguindo o exemplo da Câmara Municipal de Poços de Caldas, que todos os anos devolve para o executivo uma quantia considerável do recurso que não utiliza na manutenção do Poder Legislativo, a Câmara de Belo Horizonte, anunciou, nesta quinta-feira a devolução de R$ 33.569,351,45 para a prefeitura de Belo Horizonte. A verba corresponde à economia feita no biênio 2017/2018

Nem ai…

Enquanto os prefeitos dos 853 municípios mineiros fazem das tripas coração para amenizar a crise financeira nas prefeituras por causa do calote de R$ 12 bilhões, aplicado pelo ex-governador Fernando Pimentel nos municípios, o petista, réu por corrupção e lavagem, está na Itália e tem dito a amigos que talvez só retornes ao Brasil no mês de abril. Cara de pau.

Na corda bamba

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou achar que o presidente Jair Bolsonaro vai demitir o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, caso fique comprovado que ele cometeu irregularidades. “Creio que a solução é aquela que eu já falei várias vezes. Uma vez comprovado que as denúncias são consistentes e que realmente ocorreu o fato, acho que o presidente vai demitir o ministro”, respondeu ao ser questionado se seria uma contradição Álvaro Antônio recorrer ao foro privilegiado.

Rodapé

Em dois anos a Câmara de Poços devolveu para a prefeitura R$ 20 milhões. No mesmo período a Câmara de BH devolveu R$ 30 milhões. Com uma diferença, o orçamento anual da Câmara de Poços é de R$ 20 milhões, a de BH, R$ 247 milhões.

Poços em Debate – 18 de Fevereiro de 2019

Entrevistada de hoje a ex-vereadora Regina Cioffi, para abordar um leque de assuntos que vai desde a saúde até o perigo de poluição dos nossos rios e nascentes. Participa do programa o repórter Silas Lafaiete.

Normas para funcionamento de repúblicas

O vereador Antônio Carlos Pereira é autor de um projeto de lei que dispõe sobre a proteção contra a poluição sonora, perturbação do sossego e uso anormal de propriedade no âmbito do município, no que diz respeito ao funcionamento de imóveis locados para repúblicas. A matéria foi apresentada na última reunião ordinária e segue agora para análise das comissões permanentes da Câmara.

O objetivo da proposta é estabelecer padrões, critérios e diretrizes sobre a emissão de sons e ruídos e perturbação do sossego decorrentes de certas atividades, em defesa da saúde, do meio ambiente, do direito à vizinhança e do bem-estar da coletividade. O projeto estabelece que são considerados distúrbios por ruído ou distúrbio sonoro qualquer som que coloque em perigo ou prejudique a saúde das pessoas e animais, traga incômodo e ultrapasse os níveis máximos previstos em lei.

O projeto em análise pelo Legislativo prevê multas a pessoas físicas e jurídicas que causarem poluição sonora, perturbarem o sossego ou usarem de forma anormal a propriedade, infringindo os dispositivos previstos na lei. As penalidades, caso aprovado projeto, são multa de 20 a 40 UFMs (Unidades Fiscais do Município), multa em dobro, no caso de reincidência, e cassação do alvará. A matéria regulamenta, ainda, que para a aplicação da multa deverão ser analisados a gravidade do fato, tendo em vista a população atingida e suas consequências para a saúde, a natureza da infração e os antecedentes do infrator quanto ao descumprimento das normas estabelecidas.

Os 115 anos da Santa Casa

Na última terça-feira a Santa Casa de Poços de Caldas completou 115 anos de serviços prestados para Poços e região. Para comemorar a data, o público compareceu em peso ao teatro da Urca e pode dar muitas risadas com o espetáculo Êta Fuminho Bão, com os hilários Paulo Pioli e Marquinho. Ao final, a dupla Alysson e Adysson fez um show histórico, tocando grandes clássicos da música brasileira.

O dia do aniversário da Irmandade começou com uma entrevista do superintendente do Hospital, Dr. Azér Zenun, para o programa Transa News, da Rádio Transamérica. Já no início da tarde, um momento para lá de especial. A funcionária mais antiga da Santa Casa, Maria Aparecida Coutinho, recebeu uma homenagem pelos seus 45 anos de serviços prestados à Irmandade, completados também nesta terça.

“Tivemos também a homenagem a nossa funcionária mais antiga, nossa querida Cida que, coincidentemente, no mesmo dia que a Santa Casa comemorou 115 anos, completou 45 anos de vida dentro do Hospital. Ela é uma pessoa especial que se dedicou e continua se dedicando a Santa Casa, com muito amor e muito carinho” disse o superintendente da Santa Casa, Dr. Azér Zenun.

A homenageada Maria Aparecida Coque trabalha na entidade desde 1974. Já passou por vários setores. Sendo 22 anos de serviços prestados na UTI. A enfermeira conta que hoje o trabalho é mais tranquilo, na CME (Central de Material Esterilizado), mas que ela pratica com o mesmo amor com que praticou nesses 45 anos.

Show na Urca

Mais um grande momento desse aniversário de 115 da Santa Casa aconteceu no teatro da Urca. Em uma parceria do setor de Captação do Hospital e a F&J Produções, Paulo Pioli e Marquinho e a dupla Alysson & Adysson deram de presente para o público uma noite inesquecível.

No espetáculo Êta Fuminho Bão, Paulo Pioli e Marquinho mostraram muita química e um “time” perfeito nas piadas. Sem medo de soltar alguns palavrões e sair do politicamente correto, os comediantes levaram o público a cair na gargalhada, Mostrando porque são grandes artistas do cenário brasileiro.

Alysson e Adysson

Alysson e Adysson foram um capítulo a parte. Em um show acústico, a dupla cantou grandes clássicos da música brasileira. Atendendo aos pedidos do público, o repertório passou pela música raiz, como o clássico Tocando em Frente, de Almir Sater; clássicos sertanejos de duplas como: João Paulo e Daniel, Leandro e Leonardo, Chitãozinho e Xororó, entre outros; até o pop do cantor Lulu Santos foi cantado vozes poderosas da dupla.

As comemorações do aniversário de 115 anos da Santa Casa não param por aqui. No próximo dia 16 de março acontece o show Anos Dourados, com a presença do melhor tributo ao Élvis da América Latina. Já no dia 7 de abril acontece a 1ª Corrida Nossa Santa Casa, com largada marcada para às 8h da manhã, em frente ao Colégio Visão, em um percurso inovador, cercado de belas paisagens.

Curso para servidores dos Serviços Públicos

Na tarde desta quinta-feira aconteceu a entrega dos certificados de conclusão do curso de Ações e Noções de Manutenção, feito por servidores da Secretaria de Serviços Públicos da Prefeitura. A capacitação foi realizada em parceria com a AME (Autarquia Municipal de Ensino) e o Senai e teve aulas com o professor Diego Henrique Vicente.

A entrega dos certificados aconteceu na AME, com presença do prefeito Sérgio Azevedo e outras autoridades. O curso teve a participação de 20 servidores, que puderam aprender novas técnicas de alvenaria e aprimorar os conhecimentos de pedreiro. Metade da turma que fez o curso é formada por mulheres. “Fico orgulhosa de ver mulheres também ocupando esse posto. Lugar de mulher é onde ela quiser estar”, comentou a diretora da AME, Nancy de Moraes.

Os cursos de capacitação continuada para os servidores foram desenvolvidos a partir de uma pesquisa realizada em 2017 sobre as necessidades de desenvolvimento do servidor público no município, no sentido de ampliar os conhecimentos, impactando diretamente na qualidade do atendimento prestado à população. “O prefeito foi muito feliz, dentro do seu plano de governo, no setor público, de promover cursos de capacitação para o servidor”, destacou o secretário de Serviços Públicos, Thiago Biagioni.

Servidores da Secretaria de Obras também vão fazer a capacitação. Outros cursos devem acontecer em breve. “Vamos dar continuidade às capacitações para que, aos poucos, possamos qualificar cada vez mais servidores”, afirmou o prefeito.

Manutenção no Parque Ecológico

O Parque Ecológico da Zona Sul está recebendo manutenção geral e mais de 30% das tarefas já foram realizadas, até esta quinta-feira pela equipe de sete servidores do local. Os serviços incluem capina, limpeza total e, também, reparos e pintura dos banheiros masculino e feminino. Os trabalhos estão sendo realizados pela Zeladoria da Regional Sul, órgão da Secretaria de Serviços Públicos.

O zelador da zona sul, Plauto Coelho, informa que os trabalhos iniciaram domingo (17), porém, devido ao solo muito encharcado pelas chuvas, as tarefas estão sendo realizadas com roçadeiras manuais no entorno das árvores. “Depois, quando estiver mais seco o local será usado um trator para completar o serviço nas áreas maiores”, explicou.

O Parque Ecológico, localizado próximo ao Aeroporto Municipal, é três vezes maior que o Parque Antônio Molinari, na zona oeste de Poços. Plauto lembra, que a limpeza da área é feita todos os dias, porém, como o local tem grande extensão é necessário, periodicamente, realizar ações mais detalhadas para manter o parque em estado adequado para uso da população.

O espaço é uma área de lazer bastante frequentada pela população da região sul, que tem à disposição uma pista de caminhada de 1.400 metros, duas academias ao ar livre, cinco quiosques, parquinho infantil, dois campos de futebol, quadras de peteca e de tênis, também banheiros masculino e feminino e campo para a prática de cricket.

Caldense vai a Tombos em busca de vitória

A delegação da Caldense seguiu viagem para Tombos-MG às 6 horas da manhã desta quinta-feira visando a partida de amanhã, sábado às 16h contra o Tombense, no Almeidão. A Veterana percorreu aproximadamente 670 km em direção à Zona da Mata, sudeste de Minas, na divisa com o Estado do Rio de Janeiro. O Verdão ficará concentrado no Dourada Parque Hotel.

O Tombense é o time do interior com a melhor campanha no estadual até agora. Com nove pontos, ocupa a quarta posição na tabela e acumula duas vitórias, três empates e duas derrotas. Já a Caldense ocupa a oitava posição com sete pontos, sendo uma vitória, quatro empates e duas derrotas. A Veterana vem de vitória por 2 a 1 contra o Boa, assim como o Tombense, que venceu o Villa Nova por 3 a 1.

Retrospecto

O retrospecto do confronto assinala 8 jogos, 3 vitórias da Caldense, 5 empates e nenhuma vitória do Tombense. A Veterana marcou 8 gols e sofreu 3. A equipe de Tombos chegou ao módulo I pela primeira vez em 2013. A última partida do Verdão em Tombos foi em 2017, na oportunidade vitória por 2 a 1 com gols de Ewerton Maradona e Wellington Rato. No Mineiro do ano passado, empate por 0 a 0 em Poços. (Renan Muniz).

Fechar Menu