Era uma vez…

O MDB em Poços de Caldas simplesmente não existe mais. Depois de décadas participando ativamente da politica na cidade, disputando eleições, elegendo deputado, vereadores e membros do executivo, o partido deixou de existir com a extinção do seu diretório e ficou até mesmo sem comissão provisória, embora continue com dois representantes no legislativo. Triste fim para um partido que já foi o fiel da balança nas eleições municipais.

 

Quando a gestão é boa…

Enquanto alguns prefeitos ficam choramingando o leite derramado, outros correm atrás do prejuízo fazendo adaptações na máquina pública, demitindo ocupantes de cargos de confiança e reduzindo gastos fazendo sobrar recursos para executar as obras que seus municípios reclamam.

É caso do prefeito de Jacutinga que se com recurso da própria prefeitura decidiu asfaltar a estrada que liga a cidade a Espirito Santo do Pinhal, uma obra reclamada há mais de 40 anos pela população.

Em Pouso Alegre, onde a prefeitura também foi prejudicada por um calote de quase 100 milhões pelo governo do Estado, o prefeito Rafael Simões, filiado ao PSDB, anunciou nesta sexta-feira um pacote de obras de infraestrutura no município.

Segundo a prefeitura, uma das obras, realizada justamente na rodovia, vai ligar a BR-459 ao bairro Faisqueira. O atual trecho utilizado para o acesso ao bairro é alvo constante de reclamações dos moradores, devido ao tráfego de caminhões pesados e falta de calçadas.

 

Reitora da UFMG agradece vereadora

Através de ofício encaminhado para a vereadora Maria Cecilia Opipari, a Reitora da Universidade Federal de Minas Gerais profa. Sandra Regina Goulart Almeida, agradeceu a Moção de Apoio apresentada pela vereadora hipotecando solidariedade as universidades, institutos federais e demais instituições de ensino federais, devido ao bloqueio de recursos determinados pelo Ministério da Educação.

“Em um momento tão decisivo para o país, temos que unir forças em devesa da universidade pública e gratuita. Ressalte-se que as Universidades Federais, como patrimônio nacional, são imprescindíveis para a construção de um país mais desenvolvido, justo e equânime, que ofereça melhores condições de vida para a sua população”, diz a reitora em seu oficio de agradecimento a vereadora pelo apoio recebido.

Fechar Menu