Mudanças nas comissões permanentes

O presidente da Câmara Municipal, professor Carlos Roberto, agendou para quarta-feira próxima uma reunião com lideranças dos partidos para ouvir deles as indicações quanto a formação das novas comissões permanentes da Casa. Norma do Regimento Interno do legislativo prevê mandato de dois anos para os membros dessas comissões.

A Comissão de Justiça é sempre a mais concorrida e pelo menos dois vereadores parece ter lugar garantido nela, Paulo Tadeu, do PT, e Antonio Carlos Pereira, do Democratas. O líder da bancada da situação, Alvaro Cagnani, também está pleiteando um lugar na comissão. Com isso já seriam três as vagas preenchidas, cabendo ao PSC e ao MDB indicar as outras duas.

Pelo que se ouve em off nos corredores da casa amarela, o comando do executivo não pretende prestigiar o vereador Gustavo Bonafé, eleito vice-presidente da Câmara com apoio do PT.

Fechar Menu