Reforço no time

Com a escolha do vereador Paulo Tadeu para a presidência do diretório local do Partido dos Trabalhadores, quem se fortalece na legenda é o ex-prefeito Eloisio Lourenço que tem o vereador como aliado e pode até desistir da ideia de deixar o partido para se candidatar ao executivo na eleição do ano que vem.

A eleição do ex-prefeito e hoje vereador, que tem histórico no Partido dos Trabalhadores desde a sua fundação, fortalece os filiados mais antigos, ou seja, os cabeças brancas e impõe derrota aos cabeças pretas ,representado pela ala mais jovem liderada por Lucas Chianello.

 

Malas prontas

Já pelos lados do MDB quem está pronto para deixar a legenda é o ex-secretário e ex-amigo do prefeito, Albert Mareca. Dizem que ele tem convite de vários partidos para se filiar. A sua saída dificulta ainda mais a reeleição do vereador Paulo Eustáquio que já não poderá contar com os votos do colega Joaquim Alves que já anunciou, não será mais candidato.

Segundo análise de um vereador de oposição, o desmanche do MDB se deve principalmente ao ex-presidente, Waldemar Lemes, que sempre dirigiu o partido olhando para o próprio umbigo.

 

Desmanche administrativo

E por falar em desmanche, no início de abril, de acordo com as normas eleitorais, ocupantes de cargos de confiança serão obrigados a se afastar para concorrer a cargos eletivos. Entre aqueles que deverão deixar a equipe do prefeito Sérgio estão o secretário de esportes, Wellington Guimarães, que já está em plena campanha, mais o secretário adjunto da saúde, Flávio de Lima e Silva; Flávio Faria, da Secretaria de Desenvolvimento; Thiago Biagioni dos serviços públicos; Tiago Cavelagna, do Planejamento; Paulinho Courominas, do DMAE; Luzia Martins, da promoção social; Damião, adjunto da secretaria de obras e Jonei Eiras, coordenador da zona leste.

 

Teleférico já parou para ampla revisão

O vereador Paulo Tadeu lembrou a coluna que em 2002,quando era prefeito, foi muito criticado porque parou o funcionamento do Teleférico por cerca de 8 meses para uma ampla revisão na mecânica. A empresa que realizou o trabalho foi a PholigHeckel do Brasil, a mesma fornecedora dos equipamentos para a construção do Teleférico em Poços. E que esteve na cidade acompanhando os trabalhos o engenheiro Peter Krauser, já em idade avançada, mas em plena atividade, que foi o responsável pela construção dos equipamentos quando de sua construção.

Fechar Menu