Sem chance

É zero a chance de as escolas de samba voltar para a avenida, reativando o desfile na Av. Francisco Salles, como aconteceu até o último ano da administração passada. Não passa pela cabeça do prefeito liberar verba para o desfile e o carnaval deve seguir o modelo dos dois primeiros anos da sua administração, com incentivo aos blocos, bandas e conjuntos musicais tocando no espaço reservado para estacionamento atrás do Pálace Hotel e na Praça dos Macacos. Tá de bom tamanho.

Fechar Menu